Vinícola

História

O começo desta paixão pelos vinhedos e a elaboração de vinhos foi no ano 1960 com Juan Sánchez, pioneiro da família na plantação de vinhas, também foi um dos sócios da conhecida Cooperativa Luján, que produzia vinhos em Mendoza. No ano 1980 começa o comando da segunda geração: os três irmãos, Federico, Juan Carlos e Gabriel Sánchez. Eles decidiram continuar com a plantação dos vinhedos, e no ano 2004 fundaram Vinícolas e Vinhedos Sánchez S.A onde atualmente se encontra trabalhando a terceira geração, na área comercial e administrativa. Hoje a Vinícola e Vinhedos Sánchez conta com duas marcas de vinhos: Milagro Mendocino (nascida em 2004) e Jaque Mate (2018) As duas se comercializam no mercado nacional e internacional, como também assim sua venda de vinhos a granel.

Tecnologia

A Vinícola levantou-se com uma estrutura moderna e possui atualmente uma capacidade de 1540000 l. Reservatórios de aço inoxidável de diferentes capacidades para distribuir criteriosamente os melhores produtos. Este volume encontra-se distribuído em 70 tanques de: 33, 55, 75, 109, 150,200,230,250,275,460,550 Hl.

Na atualidade temos mais de 30 barricas de carvalho francês e americano, torrados leves e meios, localizadas num setor específico com controle de temperatura. Dispõe-se de máquinas de aço inoxidável para a recepção e moenda, fita de seleção, moedora e bomba de parafuso

A equipe de refrigeração principal tem uma capacidade de 100.000 frigorías/hora. O estabelecimento prioriza a qualidade do produto desde seu começo, é por isso que adopta a moenda das uvas pre-esfriadas. Dispõe-se de equipamento gerador de água quente para dar resposta às solicitações pontuais. Todos os tanques se encontram conectados aos circuitos de frio-calor do jeito que cada um independentemente possa dispor de um ou outro sistema. Para finalizar o processo, dispõe-se duma prensa pneumática de 100 Hl e diversas fitas transportadoras.